Brasileiro

Disputa da Elite MX segue acirrada no Campeonato Brasileiro de Motocross após etapa de Fama (MG)

Hector Assunção e Jetro Salazar, da Equipe Honda Racing, continuam na disputa pelas primeiras posições da Elite MX; Matheus Klysman vai ao pódio pela primeira vez na MX2

23/06/2019 19h20
Por: Rodrigo Barão
153
Jetro Salazar, da equipe Honda Racing, disputa a quarta etapa do Brasileiro de Motocross 2019, em Fama (MG). Crédito: Idário Café/Mundo Press
Jetro Salazar, da equipe Honda Racing, disputa a quarta etapa do Brasileiro de Motocross 2019, em Fama (MG). Crédito: Idário Café/Mundo Press

O Campeonato Brasileiro de Motocross segue disputado na categoria Elite MX, que reúne os melhores pilotos da MX1 e MX2. Após a corrida deste domingo (23), válida pela quarta etapa da temporada, em Fama (MG), apenas cinco pontos separam os quatro primeiros colocados. Os pilotos Hector Assunção e Jetro Salazar, da equipe Honda Racing, estão na terceira e na quarta colocações, respectivamente. O líder é o português Paulo Alberto.

Pela bateria exclusiva da MX1, Salazar fechou a prova na segunda colocação e ocupa o terceiro lugar no campeonato. “Foi um fim de semana bem difícil. No cronometrado de sábado sofri uma queda e acabei machucando a mão esquerda. Mesmo assim, consegui fazer duas razoáveis baterias para salvar alguns pontos no campeonato. Como a Elite MX contabiliza apenas uma corrida, a competição fica bem embolada. Agora é cuidar da minha recuperação para estar pronto para as três últimas etapas que faltam para encerrar a temporada”, explica o equatoriano. Ele acelera a moto Honda CRF 450R.

Hector Assunção terminou em quarto a corrida da MX1, mesma posição que ocupa no campeonato. “Estava me sentindo bem, mais rápido que os adversários na primeira bateria. Infelizmente, acabei cometendo um erro, tive uma queda, senti um pouco as costas e não consegui manter o ritmo. Já na segunda corrida, senti bastante dor, mas tentei fazer o máximo para ter o melhor resultado”, ressalta o paulista. 

Entre os pilotos da MX2, Lucas Dunka subiu ao pódio no segundo lugar. “Em cada etapa, tento conseguir o máximo de pontos para chegar entre os três primeiros. Na última corrida, a pista estava bem esburacada, mas consegui um bom resultado”, explica o catarinense, que recuperou posições na classificação geral com a Honda CRF 250R e agora está em sétimo da tabela. Leonardo Souza, também de Santa Catarina, concluiu a etapa em quarto e segue em terceiro na disputa pelo título.

Já Matheus Klysman terá nesta etapa de Fama uma recordação muito especial, já que foi ao pódio pela primeira vez na categoria MX2. “Cumpri a minha meta pessoal. Fiz uma boa corrida, espero estar mais vezes no pódio e subindo cada degrau”, diz o goiano, que alcançou a quarta colocação no campeonato.


Entre os pilotos da equipe satélite Circuit Honda, Rafael Araújo, o “Bubinha”, terminou a MX2 JR na terceira posição e está em quarto na classificação geral. Reginaldo Ribeiro, o “Juninho”, fez um décimo e um sexto lugares em Fama, mas ocupa a quinta colocação no campeonato da MX2. Por fim, Humberto Martin, o “Machito”, que retorna de lesão, finalizou em nono a corrida da MX1. 

O Campeonato Brasileiro de Motocross faz uma pausa e continua nos dias 17 e 18 de agosto, em Faxinal (PR). A equipe Honda Racing de Motocross é patrocinada pela Circuit, Apinestars, DID, Seguros Honda e Óleo Genuíno Honda.

Campeonato Brasileiro de Motocross

Classificação após quatro etapas

Elite MX
1 - Paulo Alberto #211 - 65 pontos
2 - Carlos Campano #1 - 64 pontos 
3 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R - 61 pontos
4 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R - 60 pontos 

5 - Fábio Santos #01 - 50 pontos

MX1
1 - Carlos Campano #1 - 134 pontos 
2 - Paulo Alberto #211 - 131 pontos
3 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R - 122 pontos 
4 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R - 119 pontos 

5 - Jean Ramos #10 - 100 pontos 

MX2
1 - Fábio Santos #1 - 147 pontos
2 - Frederico Spagnol #61 - 131 pontos 
3 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R - 116 pontos 
4 - Matheus Klysman #43 - Honda CRF 250R - 85 pontos 
5 - Reginaldo Ribeiro #416 - Honda CRF 250R (Circuit Honda) - 84 pontos 
7 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R - 80 pontos 


Resultados - 4ª etapa do Brasileiro de Motocross - Fama (MG)

Bateria Elite MX
1 - Paulo Alberto #211
2 - Carlos Campano #1
3 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R
4 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R

5 - Fabio Santos #01

Soma MX1
1 - Paulo Alberto #211
2 - Carlos Campano #1
3 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R
4 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R

5 - Jean Ramos #10
 
Bateria MX1
1 - Paulo Alberto #211
2 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R
3 - Carlos Campano #1
4 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R
5 - Jean Ramos #10

Soma MX2
1 - Fábio Santos #1
2 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R
3 - Frederico Spagnol #61
4 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R
5 - Matheus Klysman #43 - Honda CRF 250R

Bateria MX2
1 - Fábio Santos #1
2 - Frederico Spagnol #61
3 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R
4 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R
5 - Matheus Klysman #43 - Honda CRF 250R

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4